capela-theotokos-obra-missionaria-raymundo-lopes
Benção da Confraternização - Pessach

Terça-feira, 02 de Agosto de 2017

Entrada do Santíssimo

Jesus está aqui
Jesus está aqui, ele está aqui, Aleluia!
Tão certo como o ar que eu respiro, Aleluia!
Tão certo como a manhã que se levanta.
Tão certo como eu te falo e podes me ouvir.

ana-maria-cerimonia-de-sao-bento-29-11-2011

Pessach

ana-maria-cerimonia-de-sao-bento-29-11-2011

O costume do Pessach remonta a Moisés, quando Deus retirou o povo judeu do Egito.
Ficou mais conhecido com a matança do cordeiro e a marcação da porta das casas dos judeus, para que os anjos os reconhecessem.
Pessach – Chag Ha-Matzot quer dizer: Deus poupa.
Durante a travessia do deserto, Moisés costumava abençoar o maná, de cuja semente faziam um pão.
Eram o maná, a água, o fermento e o fogo os componentes principais. Com Yeshua, o símbolo do Pessach reverteu-se na morte do cordeiro, o que é real; mas não podemos esquecer que Deus nos poupa de coisas ruins ao consumirmos o maná, o alimento do Céu.
Hoje não temos o maná, mas temos o pão que contém os elementos, ou seja, trigo, água, fermento e fogo. E esta bênção desconhecida da Igreja Católica, mas bastante difundida no
Judaísmo, vem ser uma força eficaz contra o mal que nos ronda em nosso convívio diário.

Vou cantar a Deus, pois a sua vitória é sublime; Ele precipitou no mar carros e cavalos.

Deus é a minha força e o meu canto,
Ele foi minha salvação.
Ele é o meu Deus, eu 0 louvarei,
é o Deus de meu pai, eu 0 exaltarei.
Ele precipitou no mar os carros e o exército do Faraó;
afogou no Mar Vermelho o escol das tropas:
as ondas cobriram-nos
e eles afundaram-se como pedras.
Com sublime grandeza abates os teus adversários,
desencadeias a tua ira, e ela devora-os como palha.
Ao sopro das tuas narinas as águas amontoam-se
e as ondas levantam-se como represa.
O inimigo dizia: Vou persegui-los e alcançá-los,
vou repartir os despojos e saciar-me com eles,
vou tirar a minha espada e minha mão os agarrará!
O teu vento soprou e o mar cobriu-se.
Qual Deus é como Tu?
Quem é santo como tu, ó Magnífico,
terrível em proezas, autor de maravilhas?
Estendeste a direita, e a terra os engoliu.
Guiaste com amor o povo que redimiste.
Sobre todos eles cai o tremor e o temor.
A grandeza do teu braço deixou-os petrificados
até o teu povo atravessar, ó Deus,
até passar este povo que compraste.
Tu o conduzes e o estabeleces
sobre o monte da tua herança,
no lugar em que fizeste o teu trono, ó Deus,
no santuário que as tuas mãos prepararam.

Fazei isto em minha memória


Bênção da Água

ana-maria-cerimonia-de-sao-bento-29-11-2011

Senhor Deus Altíssimo, criador desta água, pedimos-vos,
em nome dos nossos antepassados que honraram o vosso
Santo Nome, que vos digneis descer em espírito sobre esta
água, a fim de que seja abençoada e purificada por vossa vontade
salvadora. Ela será depois derramada sobre os alimentos
que escolhestes para vossos sinais, aqui representada por esta
porção, para que possamos sentir vossa força criadora a nos
reunir em torno do vosso Santo Nome. Amém.
Bênção da Farinha
Senhor Deus Altíssimo, criador do trigo que resultou nesta
farinha com a qual fazemos o pão que nos nutre e nos fortalece,
pedimos-vos, em nome de nossos antepassados que honraram
o vosso Santo Nome, que vos digneis descer em espírito
sobre este produto do nosso trabalho, a fim de que seja purificado
por vossa vontade salvadora. Esta farinha, misturada
na água que abençoastes, será derramado sobre os alimentos,
para que possamos sentir vossa força criadora e nos reunir em
torno do vosso Santo Nome. Amém.

Amassa-se a farinha com o fermento e misture-a num alimento
que você for ingerir.


ana-maria-cerimonia-de-sao-bento-29-11-2011

Senhor Deus Altíssimo, em vosso Santo Nome colocamos
neste alimento o produto daquilo que nos destes como fonte
de vida e que nos alimenta e mata nossa sede.
Que neste local surja sempre o sinal da vossa aliança para
conosco e que nos forneceis a paz, para adorar-vos por todo o
sempre. Amém.

Bênção do Fermento

ana-maria-cerimonia-de-sao-bento-29-11-2011

Senhor Deus Altíssimo, criador dos componentes do fermento
que faz crescer a massa que produz o pão, pedimos vos,
em nome de nossos antepassados que honraram o vosso
Santo Nome, que vos digneis descer em espírito sobre este
fermento, a fim de que, misturado na água que purifica e na
farinha que nutre, possa ser derramado sobre os alimentos,
para que possamos sentir vossa força criadora e nos reunir em
torno do vosso Santo Nome. Amém.

Os cinco pães

ana-maria-cerimonia-de-sao-bento-29-11-2011

Pelos sentidos dados por Deus
Senhor, abençoai nossa visão, na figura deste pão que nos alimenta, e fazei com que vejamos o mundo sob o prisma da justiça e da ordem.
Senhor, abençoai nossa audição, para que possamos escutar nossos irmãos nas horas de necessidade.
Senhor, abençoai nosso olfato, para que possamos sentir o perfume da vossa aliança para conosco.
Senhor, abençoai o gosto que produzis em nossa língua, para que ela seja sempre um instrumento de vossas palavras e ensinamentos.
Senhor, abençoai o tato, que nos diferencia das coisas inanimadas, para que, através deste instrumento criado por vossa vontade, tenhamos sempre na matéria a prova de vossa existência.


Os cinco pães

ana-maria-cerimonia-de-sao-bento-29-11-2011

Pelos ferimentos de Yeshua
Senhor, pela chaga da mão direita do vosso Filho, perdoai-nos e recebei-nos no Paraíso.
Senhor, pela chaga da mão esquerda do vosso Filho, perdoai-nos e recebei-nos no Paraíso.
Senhor, pela chaga do pé direito do vosso Filho, perdoainos e recebei-nos no Paraíso.
Senhor, pela chaga do pé esquerdo do vosso Filho, perdoai-nos e recebei-nos no Paraíso.
Senhor, pela chaga no peito do vosso Filho, perdoai-nos e recebei-nos no Paraíso.


Bênção Solene dos Alimentos

ana-maria-cerimonia-de-sao-bento-29-11-2011

O Senhor abençoe estes alimentos que vamos consumir e coloque neles a força do conhecimento.
O Senhor, com sua força criadora, faça crescer nestes alimentos os níveis de consciência, a fim de que possamos avaliar todos os favores celestes a que estamos sujeitos como filhos do Altíssimo.
O Senhor, com sua força admirável de bondade, faça nascer nestes alimentos o amor mútuo, a fim de que possamos viver em harmonia.
O Senhor, com sua força admirável de conhecimento, faça surgir nestes alimentos os níveis de sabedoria, a fim de que possamos fazer de nossa passagem na terra um manancial de
aprendizado do que é bom aos cuidados do Céu.
O Senhor, com sua força amorosa, cubra estes alimentos com os ditames do bom relacionamento humano, a fim de que tenhamos condições de ver no semelhante o reflexo do que vem do Alto.
Ao comermos destes pães, que eles, ao serem diluídos em nossa carne, sejam a força de todos estes pedidos a Deus, a fim de que o bem habite em nós e nos traga felicidade.

Senhor Deus, Deus de nossos pais, Deus de nossas gerações, Deus de nossos conhecimentos e vontades, Deus de nossa vida, com estes pedidos vos invocamos a fazerdes parte destes alimentos, como fazeis parte de nossa existência com nossos problemas e acertos.
Fazei, ó Senhor, que os componentes destes pães se transformem numa força propulsora do bem e da justiça, a fim de que tenhamos força para reconhecer-vos como o poder maior que surge no infinito.
Senhor Deus, criador do trigo que nos alimenta, criador da água que sacia nossa sede, criador do fermento que nos engrandece como vossos filhos, criador do fogo abrasador que
faz surgir o pão, juntai todos estes elementos e fazei que em nossa mente surja a força da coragem para enfrentarmos nossas dificuldades diárias e que, alimentados deste pão, possamos encontrar-vos na eternidade.
Amém.


Guarda do Santíssimo

ana-maria-cerimonia-de-sao-bento-29-11-2011

Cantar: Tão Sublime Sacramento
Tão sublime Sacramento / adoremos neste altar. /
Pois o Antigo Testamento / deu ao Novo seu lugar; /
Venha a fé, por suplemento, os sentidos completar.
Ao Eterno Pai cantemos / e a Jesus, o Salvador. /
Ao Espírito exaltemos, / na Trindade eterno Amor.
Ao Deus Uno / e Trino demos / a alegria do louvor. / Amém!
Louvores ao Santíssimo Sacramento
Bendito seja Deus.
Bendito seja o seu Santo Nome.
Bendito seja Jesus Cristo, verdadeiro Deus e verdadeiro
homem.
Bendito seja o nome de Jesus.
Bendito seja o seu Sacratíssimo Coração.
Bendito seja o seu preciosíssimo Sangue.
Bendito seja Jesus no Santíssimo Sacramento do Altar.
Bendito seja o Espírito Santo Paráclito.
Bendita seja a grande Mãe de Deus, Maria Santíssima.
Bendita seja sua santa e imaculada Conceição.
Bendita seja sua gloriosa Assunção.
Bendito seja o nome de Maria, Virgem e Mãe.
Bendito seja São José, seu castíssimo esposo.
Bendito seja Deus, nos seus Anjos e nos seus Santos.

Deus e Senhor nosso, protegei a vossa Igreja, dai-lhe santos Pastores e dignos Ministros. Derramai as vossas bênçãos sobre o nosso Santo Padre o Papa, sobre o nosso Arcebispo e seus Bispos Auxiliares, sobre o nosso Pároco, sobre todo o Clero, sobre o Chefe da Nação e do Estado, e sobre todas as pessoas cons-tituídas em dignidade, para que governem com justiça. Dai ao povo brasileiro paz constante e prosperidade completa.

Cantar: Boa-Noite, meu Jesus
1. Lenta e calma sobre a terra
Desce a noite, foge a luz.
Quero agora despedir-me,
Boa-noite, meu Jesus.
2. No silêncio do sacrário
Rósea chama tremeluz
E suave cantam os anjos,
Boa-noite, meu Jesus.
Favorecei, com os efeitos contínuos da vossa bondade, o Brasil, este Arcebispado, a Paróquia em que habitamos, a cada um de nós em particular, e a todas as pessoas por quem somos obrigados a orar, ou que se recomendaram às nossas orações.
Tende misericórdia das almas dos fiéis que padecem no Purgatório.
Dai-lhes, Senhor, o descanso e a luz eterna. Amém.
Boa-Noite meu Jesus,
Aos seus pés, ó Virgem pura,
Peço a bênção maternal.
Boa-noite, Mãe querida.
Boa-noite, meu Jesus.

Cantemos a Jesus Sacramentado
1. Cantemos a Jesus sacramentado, / cantemos ao Senhor. /
Deus está aqui, / dos anjos adorado. Adoremos / a Cristo redentor.
Glória a Cristo Jesus. / Céus e terra,
bendizei ao Senhor!
Louvor e glória a Ti, ó Rei da glória, /
amor eterno a Ti, ó Deus de amor.
2. Unamos, pois, à corte celestial / a nossa adoração. /
Deus está aqui, / é fonte universal de toda graça, / de toda redenção.
3. Se a dor e o sofrimento nós tememos, / se a vida a Cruz nos traz, /
Deus está aqui. / Nós sempre encontraremos junto a Cristo/ consolo e
doce paz.
4. Rendamos a Jesus nossa homenagem, / pedindo proteção.
Deus está aqui / e nos dará coragem no caminho / da eterna salvação.


Missionários do Coração Imaculado
Confraria Angélica
Rua Alagoas, 1460 - sala 901 – Savassi
30130-160 – Belo Horizonte / MG
Telefones: (31) 3225-4067 / 3225-4688

2007 @ Todos direitos reservados para o SIM-Serviço de Informação Mariana