diálogos com jesus e raymundo lopes

Serei o filtro de seus olhos

16 de fevereiro de 1996 – Cabo Frio (RJ) – Praia

Serei o filtro de seus olhos

Raymundo!
– Que foi, Jesus?
– Veja que lindo o mar! Você gosta do que foi criado por meu Pai?
– Claro que gosto, Senhor. E acho que também gostas, porque costumavas ficar perto do mar, não é?
– Sim. Quando estive humanizado entre vocês, gostava também do mar.
– Eh, Senhor, mas infelizmente este mar está bem diferente daquele de que gostavas.
– Sim, bem diferente. Mas procure ver-me em tudo, que muita coisa mudará em torno de você.
– Como assim, Senhor?
– Serei o filtro de seus olhos, para que em sua retina permaneça apenas o brilho da criação de meu Pai, porque às vezes o que você aprende entra em conflito com o que sabe, e a sujeira criada pelo homem seja colocada à parte. Entendeu o que quero dizer?
– Entendi, Senhor. Apesar de tudo, é muito bonito. Vamos somente ver, sem as misturar. Não é assim?
– Isto mesmo. Veja as belezas de meu Pai e refugue o criado pelos homens.
– Senhor, é tudo muito bonito!
– Estenda seu olhar ao mar, para que Eu lhe inspire algumas palavras ao Pai Celeste.
– Sim, Senhor, farei o que me pedes.

2007 @ Todos direitos reservados para o SIM-Serviço de Informação Mariana