Diálogos com os Anjos e Raymundo Lopes

A história dos três Anjinhos

A incrível história dos Anjinhos que assistem a Obra Missionária

A historia-dos-tres-Anjinhos-raymundo lopes

A Obra Missionária, fundada por Raymundo Lopes a pedido de Nossa Senhora, é assistida por três Arcanjos: Gabriel, Uriel e Raphael – os Arcanjos da alegria, segundo as palavras de Jesus. São os três Arcanjos enviados por Deus para proteger e orientar os Missionários do Coração Imaculado no grande anúncio da “maior boa-nova da história da cristandade, extensiva a todos os povos” – A segunda vinda de Jesus à Terra. Desde criança Raymundo tem contato com os anjinhos, que ele compreendia serem seus amiguinhos mas, naquela época de sua infância ele nem poderia imaginar que estava sendo preparado pelo Céu para a grande missão que o aguardava o futuro. Na adolescência, estes encontros ficaram mais raros. No ano de 1992, com o início das aparições oficiais de Nossa Senhora a ele, os anjinhos retomaram estes encontros.
Aparecem a Raymundo Lopes sempre que o Céu deseja passar-lhe alguma instrução ou diretriz, em nome de Nossa Senhora ou de Jesus, de inestimável valor para a Obra Missionária, para a Igreja e para a humanidade. Manifestaram-se visivelmente em vários momentos nos quais Raymundo corria grande perigo, presença que ainda hoje se faz.
Os anjos geralmente mostram-se a Raymundo na forma de criança e, em raras ocasiões, como adultos. Estão sempre usando das cores azul, vermelha e amarela; hora aparecem vestidos, cada qual, com uma das três cores, ou segurando caixas, bolas, flores etc., sempre nessas cores primárias. Quando aparecem a Raymundo, somente ele os percebe, exceto em duas ocasiões, quando todos os viram, mas somente Raymundo soube que eram eles; assim, passaram pelos presentes como crianças normais.
Em 10/11/2008, Raymundo teve um encontro com os três anjinhos na Capela Magnificat, onde um deles disse: "Na compreensão de vocês, eu me chamo Gabriel. Quero que forneça a Jesus sua esperança..." Segundo Raymundo, é o menino que saiu na foto ao seu lado, em Nevers (França), e na foto ao lado de Marco Aurélio, em frente ao altar da Capela Magnificat. Ele se mostra com a cor azul.

O segundo falou: " Na compreensão de vocês, eu me chamo Uriel. quero que forneça a Jesus sua fé..." Foi o menino que fez Raymundo entrar no Vaticano e encontrar com Bento XVI, depois pediu que tirassem uma foto dele com Raymundo e todos que estavam presentes viram, mas não sabiam se tratar de um anjo. Ele se mostra com a cor amarela.

O terceiro completou: ''Na compreensão de vocês, eu me chamo Raphael; e gostaria que presenteasse a Jesus sua caridade..." Foi o menino que apareceu em uma igreja no México, e também deixou-se fotografar e todos o viram. Ele se mostra com a cor vermelha.

O diálogo completo, em que os três Anjinhos se identificam, está no livro (Uma incógnita dos Finais dos Tempos) de Francisco Lembi. E a história completa das fotos está no livro (Veni domini Jesu), de Raymundo Lopes.      

 Saiba mais, clique aqui.

Anjo-Rafael-do-mexico-Raymundo-Lopes Anjo-Uriel-do-vaticano-Raymundo-Lopes
Arcanjo Raphael com Raymundo 
 Guadalupe (México), 12 de junho de 2007
Arcanjo Uriel com Raymundo
Vaticano (Itália), 05 de setembro de 2007
Anjo-Gabriel-Franca-Raymundo-Lopes Anjo-Gabriel-Capela-Magnificat-Marco-Aurelio
Arcanjo Gabriel com Raymundo
 Nevers (frança), junho de 1998
 
Nova Lima (Brasil), natal de 2008

 

2007 @ Todos direitos reservados para o SIM-Serviço de Informação Mariana