oracoes-da-obra-missionaria

Após atentado, Papa envia telegrama ao arcebispo de Paris

Na breve mensagem, Santo Padre expressa solidariedade às vítimas do atentado contra revista francesa; 12 pessoas morreram

Cardeal comenta evento que reunirá autistas com o Papa

O Papa Francisco enviou um telegrama para o arcebispo de Paris, Cardeal  André Vingt-Trois, expressando sua condenação ao atentado ocorrido ontem na cidade francesa, contra a revista de humor Charlie Hebdo. O Pontífice também expressa sua solidariedade às vítimas e aos familiares dos 12 mortos. A mensagem foi publicada pelo Vaticano nesta quinta-feira, 8.

O telegrama é assinado pelo secretário de Estado, Cardeal Pietro Parolin. Ele informa que o Santo Padre se une em oração à dor das famílias atingidas pelo luto e à tristeza de todos os franceses.

“O Pontífice expressa sua profunda proximidade às pessoas feridas e a seus familiares, pedindo ao Senhor que lhe dê consolo nesta provação. O Santo Padre condena, uma vez mais, a violência que gera tanto sofrimento e, pedindo a Deus o dom da paz, invoca sobre as famílias afetadas e sobre os franceses a benção divina”, escreve Cardeal Parolin.

Na manhã de hoje, o Papa também rezou pelas vítimas do incidente ao celebrar a Missa na Casa Santa Marta. Em nota publicada pela sala de imprensa vaticana ontem, ele condenou o atentado, considerando como “abominável” todo tipo de violência.

A sede da revista francesa Charlie Hebdo sofreu um ataque a tiros nesta quarta-feira, 7, o que resultou em 12 mortes. Ela já havia sido alvo de ataque com uma bomba em novembro de 2011, após publicação de uma imagem do profeta Maomé.

Fonte do site Canção Nova.

2007 @ Todos direitos reservados para o SIM-Serviço de Informação Mariana