oracoes-da-obra-missionaria

Beatificação de Paulo VI será preparada com congresso

Para os dias 17 e 18 de outubro está previsto um encontro de reflexão sobre o Documento de Paulo VI sobre a defesa da vida, Humanae Vitae

Beatificação de Paulo VI será preparada com congresso

A Diocese de Roma apresentou, nesta terça-feira, 22, algumas iniciativas que precederão a beatificação do Papa Paulo VI. A cerimônia marcada para o dia 19 de outubro será celebrada pelo Papa Francisco, na Praça São Pedro, no Vaticano.

Para os dias 17 e 18 de outubro, está previsto um congresso de reflexão sobre o documento de Paulo VI,  Humanae Vitae. As universidades Sapienza e Lateranense, promoverão um dia de reflexão com o tema “Montini e os universitários”.

No dia 18, às 19h30 (horário local), o vigário para a Diocese de Roma, Cardeal Agostino Vallini, presidirá uma vigília de oração na capela da Universidade Sapienza.

Todos os eventos serão abertos aos peregrinos que chegarão a Roma para a cerimônia de beatificação e as comemorações.

O Papa Francisco promulgou, no dia  6 de maio deste ano, o decreto que reconhece o milagre atribuído à intercessão do Venerável Servo de Deus Paulo VI (Giovanni Battista Montini). Em audiência ao Prefeito da Congregação para a Causa dos Santos, Cardeal Angelo Amato, o Papa  autorizou a celebração para o dia 19 de outubro deste ano.

O milagre está relacionado à cura de um bebê, ocorrida em 2001 nos Estados Unidos. A mãe do bebê, durante a gravidez, descobriu um grave problema cerebral. Os médicos lhe aconselharam o aborto, fato rejeitado pela jovem que optou em continuar a gravidez e pediu a intercessão de Paulo VI.

Segundo o postulador da Causa de Beatificação, Padre Antonio Marrazzo, a criança nasceu sem problemas e os médicos consideraram seu nascimento “um feito verdadeiramente extraordinário e sobrenatural”.

Giovanni Battista Montini nasceu em 26 de setembro de 1897, em Concesio (Itália), e faleceu em Castelgandolfo (Itália) em agosto de 1978.

Fonte do site Canção Nova.

2007 @ Todos direitos reservados para o SIM-Serviço de Informação Mariana