Cronicas de Raymundo Lopes
Durante muito tempo reinou grande
controversia em torno do Sudario de Turim.

16 de maio de 2017

Durante muito tempo reinou grande controversia em torno do Sudario de Turim

Conforme a tradição, essa antiga peça de tecido envolvia o corpo de Yeshua quando ele foi tirado da cruz, e até hoje guarda as marcas leves e inequívocas das costas e da frente de uma figura humana de tamanho inteiro. No decorrer dos anos tem havido muita especulação sobre como a imagem se formou, os céticos dizendo tratar-se de uma farsa inteligente e os crédulos afirmando ser uma coisa sobrenatural.

Um grupo de cientistas recebeu permissão para fazer um estudo exaustivo do Sudário usando todo o tipo de equipamento moderno para realizar testes físicos, químicos e biológicos.

O objetivo desses cientistas era o de explicar de uma vez por todas a origem da imagem e consequentemente resolver a controvérsia.

Agora, anos depois, eles completaram a pesquisa.

Neste fascinante relato eu mostro como esses testes concluíram que o tecido é antigo, que a imagem combina de todos os modos com a de um homem que foi crucificado e que manchas de sangue são realmente de sangue humano.
Assim sendo, o Sudário não é uma farsa.

Raymundo Lopes

2007 @ Todos direitos reservados para o SIM-Serviço de Informação Mariana