Cronicas de Raymundo Lopes
Deus

Raymundo Lopes - 19 de julho de 2016

Deus

Nunca me senti tão perto de ti, quando fiz 75 anos, nunca me senti tão calmo, tão contente e com tanta fé. Acho que foram as maravilhas que Miryam fez em mim.
Sabe, Yeshua, hoje eu entendo porque disseste - Afasta de mim este cálice, hoje sei porque disseste - Pai, em tuas mãos entrego o meu espírito.
Porque disseste tantas coisas lindas, para aquela gente que não entendeu nada. Mas, talvez, no dia em que eles se sentirem como eu me sinto hoje, entenderão tudo.
É maravilhoso, Yeshua, a gente ter um Deus para crer.
Dia 21 completei 75 anos de vida.
Não sei se nesses 75 anos tenho vivido realmente, mas pelo menos tenho a consciência de ter tentado.
Talvez esta seja a fase mais difícil na vida de alguém.

Tenho desejos e não sei se quero-os.
Tenho vontades e não sei se desejo-as.
Tenho objetivos, mas não sei se quero lutar por eles.
Tenho ideias, mas não sei se quero concretizá-las.
Tenho medo, mas às vezes sinto muita força.
Tenho liberdade, mas não sei se saberei usufruí-la.
Tenho amores, mas não sei se saberei amá-los.
Tenho 75 anos, mas não sei se vale a pena tê-los.
Acho que sim, pois tudo do Senhor é perfeito.

Raymundo Lopes

2007 @ Todos direitos reservados para o SIM-Serviço de Informação Mariana